MOLESKINE 2021 || O MELHOR DE NOVEMBRO

Fotografia da minha autoria



«A vida é feita de momentos colecionáveis»


Novembro trouxe uma energia muito bonita, logo nos primeiros dias, levando-me para perto do que me aconchega. Depois, foi passando sereno, quase despercebido, numa calma que equilibra. Entre leituras, aniversários e preparativos para a época mágica que se avizinha, o penúltimo mês do ano revestiu-se de amor.


⚓ MOMENTOS
---------------------------


Uma parte das minhas pessoas favoritas faz anos em novembro - afilhado, comadre, gémea -, por isso, é sempre bom celebrá-las! Merecem o mundo e, no que depender de mim, estarei cá para o proporcionar.

A sensação de estar numa sala de espetáculo, para assistir a um concerto de alguém que admiramos, é sempre indescritível. Porque há um vínculo emocional que nos desarma. E não importa se já tivemos a oportunidade de o ver ao vivo antes, visto que nunca é igual. Aliás, melhora a cada nova presença, porque a maturidade e o compromisso são mais profundos. Portanto, regressei ao Teatro Sá da Bandeira para escutar aquele que é, para mim, um dos nomes maiores do panorama musical português: o inigualável Diogo Piçarra.


Houve cosplay de Fernando Mendes, revelações desarmantes e muita discórdia. Tirando a blasfémia da francesinha com arroz, foi mesmo um evento memorável. E fico-lhes grata por nos presentearem com uma energia tão cómica. Caso não seja pedir muito, regressem mais vezes, porque é um gosto ter-vos em palco.


Sem estar à espera [até porque nada o fazia prever], recebi o mais recente livro da Margarida Rebelo Pinto - A Lenda do Belo Soldado -, gentilmente enviado pelo Clube do Autor - a quem fiquei muito grata pelo gesto.


Visto que há aspetos que não gosto de deixar para a última, aproveitei para tratar das prendas de Natal. Já só me faltam duas [as mais complexas], mas todas as outras já se encontram com um visto à frente.


📚 LEITURAS
---------------------------

A Espera de Fernanda, Maria Cláudia Rodrigues

O Sol é Cego, Curzio Malaparte


Outras Leituras do Mês
Só Tinha Saudades de Contar Uma História [Joel Neto], A Trança de Inês [Rosa Lobato Faria], 
Terapia de Casal [Rita da Nova & Guilherme Fonseca], Heartstopper Volume 3 [Alice Oseman], 
O Livro do Ano [Afonso Cruz], As Doenças do Brasil [Valter Hugo Mãe], Notas Sobre o Luto 
[Chimamanda Ngozi Adichie] e O Labirinto dos Espíritos [Carlos Ruiz Zafón]



📺 FILMES & SÉRIES
---------------------------

A segunda temporada de Auga Seca [uma produção portuguesa e espanhola] começou, este mês, e tem-me conquistado. Creio que está mais intensa que a primeira, até pela forma como tudo aparenta ser evidente e, ainda assim, carecerem as provas. Além disso, tem sido interessante acompanhar a falta de escrúpulos.



✏ PUBLICAÇÕES
---------------------------

Lá fora a chuva caí[a]. Porém, sem querer dar motivo ao caos, abri o guarda-chuva até ao Auditório CCOP [Círculo Católico dos Operários do Porto], para ouvir o João Couto e o seu Boa Sorte - o álbum que mais tocou, em outubro, cá por casa. Porque há laços que nos unem, quando os artistas partilham a sua verdade em letras desarmantes - e que sentimos como se nos saíssem do peito. Assim, da terceira fila de uma sala onde nunca tinha estado e que nos acolheu com tanta familiaridade, assisti a um dos momentos musicais mais bonitos.

A Make-A-Wish tem uma missão clara: «realizar sonhos de crianças e jovens, entre os três e os 11 anos, em todo o território nacional, que sofrem de doenças graves, progressivas, degenerativas ou malignas, proporcionando-lhes um momento de força, alegria e esperança». Em parceria com a Flying Tiger Copenhagen, criaram mais uma alternativa para o conseguirmos, enquanto sociedade que se preocupa.

A quantidade de vezes que cantarolei Amanhã de ManhãBem Bom ou Ok Ko é inacreditável, mas fruto das letras irreverentes e inesquecíveis. Numa fase prematura do meu crescimento - e conhecimento musical -, não tinha capacidade para compreender as possíveis camadas daqueles versos. Porém, tornaram-se recorrentes no meu reportório. Porque, preferências à parte, as Doce souberam apostar na longevidade, mesmo que tenham passado por várias formações. Portanto, conhecer a sua história só se poderia revelar interessante.




🍴 À MESA
---------------------------

Recentemente, experimentei um chocolate que fez as delícias cá de casa: o Mousse Negro, disponível na Mercadona. Desapareceu num sopro [até me esqueci de fotografar a embalagem], mas fica a recomendação.



📌 ENTRE LINHAS
---------------------------

O chá é a minha bebida de eleição, como faço questão de reforçar algumas vezes. Por isso, andava à procura de um bule que acompanhasse esta preferência. Na minha última visita à Flying Tiger, perdi-me de encantos por este amarelo e, desde então, utilizo-o quase todos os dias. Tem o tamanho ideal! Estou mesmo satisfeita.


Instax Mini 11
Aconteceu. Comprei, finalmente, a Instax mini. Era um investimento que pretendia fazer há algum tempo, até porque sou apaixonada por este género de fotografias. Além disso, com a possibilidade de armazenar as fotografias no computador, ficando sempre à distância de um clique, perdi o hábito encantador de as revelar e sentia falta de eternizar certos momentos num formato físico. Aproveitando a campanha de promoção da Worten, apostei neste kit. Adorava que tivessem a roxa disponível neste formato, mas trouxe a bela Sky Blue.



📌 JUKEBOX
---------------------------

A Surpresa: Fall in Love at Christmas [Mariah Carey, Khalid & Kirk Franklin]
Melhor Duo: Niteflix [Atalaia Airlines & Mike El Nite]
A Diferentona: O Jogo [LAIA]
A Favorita: Chama Por Mim [Miguel Araújo]
Artista Revelação: Alda


Álbuns: Voyage [ABBA], Ao Deus Dará [Rossana], Ilha Digital [Cavalheiro], No Meu Canto [Elisa], Tozé Brito (de) Novo [Vários Artistas], 30 [Adele], Badiu [Dino d'Santiago], Marôco [Miguel Marôco]



🎥 VÍDEOS & PODCASTS
---------------------------








✨ GRATIDÃO
---------------------------

«Viverei o resto da vida de mãos esticadas»

A esperança de um amanhã seguro é, por vezes, mínima. Porque parece impossível regressarmos ao que conhecíamos, sem medos. No entanto, este mês trouxe-me mais paz nesse sentido, o que corrobora o quanto a cultura é preciosa para a nossa existência e para a forma como encaramos as adversidades do caminho.


Como foi o vosso mês?

14 comments

  1. O meu mês de Novembro foi calminho marcado essencialmente pelo início de publicação do meu novo livro e pelos primeiros 11 meses sem enxaqueca :)

    Beijinho grande, minha querida!

    ResponderEliminar
  2. Para dizer a verdade os meus meses não têm sido nada fáceis. Mas vai se levando um dia de cada vez.
    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  3. Para te dizer acho que o meu mês foi do mesmo do anterior, mas como é sempre bom ter momentos assim para mais tarde recordar
    Beijinhos
    Novo post
    Tem Post Novos Diariamente

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acredito que estes registos nos dão logo outra motivação, principalmente, para quando estamos mais em baixo

      Eliminar
  4. Como sempre um mês muito preenchido e cultural!
    xoxo

    marisasclosetblog.com

    ResponderEliminar
  5. Novembro foi um mes de esperança por aqui <3 Nem acredito que é ja depois de amanha que me vou livrar deste incomodo <3 Coincidencia gira, tambem pedi ao Pai Natal uma Instax Mini <3 Adorei a conversa da Mariana com VHM <3 Fiquei ainda mais fã dele <3

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estou deste lado a enviar toda a energia positiva 🍀
      Oh, a sério? Adoro!
      A conversa foi hilariante. Aos 2 minutos já estava a chorar de tanto rir

      Eliminar
  6. Gostei muito de ler as tuas actividades e de ver as tuas fotografias de novembro.
    Também gostei imenso, que o Pedro Abrunhosa tenha levado o seu piano a São Bento.
    Familiares e amigos festejam o seu aniversário em novembro.
    Uma publicação perfeita.

    Andreia, que dezembro chegue cheio de encanto e que os pássaros de inverno deixem pegadas de esperança 🕯

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estava a ouvir o concerto do Pedro Abrunhosa e a sentir uma certa tristeza por não ter visto ao vivo. Acredito que seria uma experiência inacreditável.
      Muito obrigada, Teresa!

      Se me permites, faço minhas as tuas palavras. Que dezembro venha cheio de luz

      Eliminar
  7. Ainda ontem comecei a namorar uma intax mini 11 na worten. Resta-me a esperança de a receber no natal ou então no próximo aniversário :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu aproveitei que a Worten estava com este kit em promoção para a adquirir. Ficou por 60€, mas a máquina já veio com pilhas, uma recarga, uma bolsa e a fita, molas, luzes, adesivos dupla face e um conjunto de acessórios para o obturador. Este kit só estava disponível em azul e rosa, mas vai estando atenta, porque pode ser que alarguem às outras cores e voltem a fazer esta promoção :)
      Fico a torcer por isso!

      Eliminar