1+3 | MARCAS PORTUGUESAS

by - maio 29, 2019

Fotografia da minha autoria


«Somos grandes»


O nosso país transborda talento. E nas mais diversas áreas. Por essa razão, fico de coração pleno quando percebo que há uma aposta forte no empreendedorismo nacional, até porque acredito que temos todos os argumentos para o tornar rentável. Há ideias a fervilhar. E projetos que merecem reconhecimento: não só pelo produto, mas também pelo conceito. Quando a Carolina [Thirteen] partilhou o mais recente tema do 1+3, percebi que só fazia sentido escrever sobre as marcas portuguesas que me despertam maior interesse [também pela sua pegada cívica], mesmo que ainda não tenha investido nelas. Eis a minha lista.

Futilidade: A criadora desta marca é minha prima por afinidade. O design gráfico sempre foi uma atração e o conceito Futilidade - T-shirt & tops surgiu pela vontade de dar forma aos seus desenhos. Na primeira coleção - O Pensamento -, cada desenho é pintado, único e exclusivo. E foi através dela que avancei com a rubrica Pensamento Periclitante. Posteriormente, criou uma coleção dedicada à Praia da Aguda - lindíssima e em jeito de homenagem. Eu tenho duas t-shirt, dois cadernos e crachás. E não podia estar mais encantada.

Joana Sem Jeito: Foi criada numa manhã de verão, após vários rascunhos e inspirada num gosto por coisas desajeitas. Por vezes, a Joana desenha com café. Noutras desenha na madeira. Mas a sua principal ideia é, também, reciclar elementos. Assim, inova na criação das ilustrações, recorrendo aos materiais mais tradicionais, mas sem esquecer os naturais. As suas obras estão um mimo.

As Deolindas: As peças de roupa adaptam-se a vários eventos e estilos, ainda que se privilegie o traço feminino e casual. Eu nem sou a pessoa mais entusiasta por roupa, mas foi impossível não me render à originalidade dos modelos, aos padrões e às cores. Feitos à mão e com todo o amor, podem encontrá-los à venda em Famalicão, em Braga e em Vila do Conde. Ou, então, encomendar através do instagram da marca.

Aqui Há Peça: A minha paixão por decoração é cada vez mais acentuada. Por isso, perdi-me de amores por estas peças de cerâmica portuguesa. Há artigos para quase todas as funcionalidades e divisões da casa. E a imagem dos mesmos evidencia modernidade e minimalismo, priorizando linhas delicadas e cores harmoniosas. Vendidos à unidade ou em conjunto, o difícil é mesmo não querer um exemplar de cada.

Revista Variações: Este projeto nasceu da vontade de dar voz à crescente variedade da música portuguesa. E é o «resultado de um Portugal onde a música cresce a passos largos e merece cada vez mais atenção». Como apaixonada que sou por esta manifestação artística nacional, uma vez que defendo que qualidade não nos falta, não podia estar mais entusiasmada com esta revista. E acredito que a marca que estão a construir só poderá ser revestida de sucesso.

Cuscuz: É uma marca unissexo de acessórios de moda e design, que aposta na sustentabilidade. Ana Mendes criou um negócio familiar «que leva o termo reciclagem para um novo patamar», reaproveitando matéria que já não é utilizada e prolongando-lhe o seu ciclo de vida. Para já, ainda só têm óculos de sol. Mas, tendo em conta que são produzidos artesanalmente, cada par é único. E os clientes podem personalizá-los.

Zouri: É uma marca de calçado vegan. Primeiro, investiram em sandálias. Mais recentemente, estenderam a sua aposta às sapatilhas. Adriana Mano, criadora do projeto, «pretende aliar dois elementos importantes ligados à sustentabilidade: a utilização de materiais orgânicos e reciclados e a produção local». Uma vez que as sapatilhas são o meu calçado de eleição, fiquei bastante curiosa com esta linha, até porque, como a sola é feita de borracha natural e transparente, é possível «ver os pedaços de plástico incrustado», fruto de várias recolhas de lixo pelas praias do Norte do país.


Que marcas portuguesas recomendam?
[Publicação inserida no desafio 1+3]

You May Also Like

40 comentários

  1. Não conhecia estas marcas, tenho mesmo que as explorar. Descobri no Instagram a marca portuguesa Infinite Book que tem cadernos que são escritos com canetas especiais e que depois podem ser apagados e voltar a escrever.

    Beijinhos! :*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O conceito do Infinite Book está mesmo interessante e já pensei adquirir um. O problema é que eu gosto de preservar aquilo que escrevo à mão

      Eliminar
  2. É verdade apareceram ultimamente muitas e boas marcas uma delas de nível internacional é o Science4you.
    Um abraço e continuação de uma boa semana.

    Andarilhar
    Dedais de Francisco e Idalisa
    O prazer dos livros

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Felizmente, há pessoas focadas e super criativas, que investem em marcas que valem a pena conhecer e explorar :)
      Sim, tem um excelente leque de artigos

      Eliminar
  3. Confesso que não conhecia essas marcas. Mas desde o inicio e porque há marcas portuguesas com muita qualidade, gosto de lhe dar destaque no blog.

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esse destaque é precioso, até porque é mais uma ponte a ligar a marca e o público!

      Eliminar
  4. Gosto tanto de saber que o nosso país é rico em talentos, orgulho!
    Beijinhos*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O coração fica mesmo a transbordar de orgulho. Tão bom!

      Eliminar
  5. aqui pelo Brasil tbm estamos bem servidas de marcas independentes e criativas, adorei conhecer essas

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderEliminar
  6. Posso dizer que cada marca que falas-te não conhecia mesmo, mas quem sabe não o faça para conhecer melhor
    Beijinhos
    Novo post
    Tem post novos todos os dias

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, é mesmo uma questão de ter a predisposição certa para as explorar :)

      Eliminar
  7. Futil idade é quando nós atingimos aquela idade em que só cá andamos a ocupar espaço e a consumir oxigénio.

    ResponderEliminar
  8. muito obrigado, meu anjo. de coração :')

    comassim não conhecia nenhuma?! tão gratificante saber que há uma grande variedade de marcas portuguesas +.+

    NEW REVIEW POST | 3 REVOLUTIONPRO PRIMERS THAT ARE WORTH!!!
    InstagramFacebook Official PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vais sempre a tempo de conhecer, meu bem! As duas últimas, por exemplo, só conheci há um par de semanas :)
      É mesmo bom, sem dúvida

      Eliminar
  9. Muito curioso, Adorei conhecer:))

    DO NOSSO GIL ANTÓNIO :- Palavras sentidas que ( nunca ) escrevo.

    Bjos
    Votos de uma óptima Quarta-Feira

    ResponderEliminar
  10. Tenho de admitir que não conhecia nenhuma destas marcas, mas admiro o facto de haver tanta gente criativa no nosso país e fico feliz que se comece a apostar mais no empreendedorismo nacional! 😊

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É um passo de gigante, mas que traz imensas coisas boas! E ainda bem, porque há pessoas bastante criativas, com ideias de negócio formidáveis *-*

      Eliminar
  11. "Somos grandes" Habitantes de um pais pequeno,
    que dizem ser um jardim à beira do mar plantado
    habitado por rosas e cravos com elevado talento
    só é pena ser tão pequeno e estar tão endividado!

    Gostei de ler o que li, nesse belo texto escrito.

    Tenha uma boa noite Andreia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há muitos aspetos a necessitar de uma reestruturação urgente, para que Portugal seja o país maravilhoso que é. No entanto, também existe muita coisa boa, como é o caso destas marcas e das pessoas que lhes dão asas

      Boa noite!

      Eliminar
  12. Que boa publicação como tantas outras! Não conhecia estas marcas mas gostei dos vários conceitos! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada! Fico contente por teres gostado :)
      Têm conceitos e valores mesmo interessantes

      Eliminar
  13. Não conheço nenhuma, mas vou explorar e acho uma óptima ideia dar a conhecê-las.
    Existem muitas marcas com qualidade e inovação, todos ganhamos na sua divulgação.
    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também acredito muito nisso, Magui! Há projetos maravilhosos, que merecem todo o destaque possível

      Eliminar
  14. Achei o máximo as t-shirts da marca Futilidade. As ilustrações da Joana Sem Jeito são hiper mimosas. O calçado da Zuri é fantástico, mas lá está, tudo o que é ecológico tende a ser caro... uma situação a inverter... O nosso país têm veia de descobridores, que não haja nenhuma duvida disso!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Qualquer dia tenho que partilhar a parte da frente das t-shirst. Estão mesmo giras :) fiquei rendida às ilustrações da Joana!
      Pois, essa parte é que acaba por ser menos convidativa, porque nem todas as pessoas conseguem investir em peças com estes valores.
      Completamente, minha querida!

      Eliminar
  15. Não conhecia nenhuma dessas marcas, é sempre bom ler e aprender coisas novas.😊

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vamos sempre a tempo de descobrir coisas novas. E este tema também me fez conhecer novas marcas :)

      Eliminar
  16. Já tinha ouvido falar d'As Deolindas e, por seguir a Joana sei dos seus desenhos com café.
    Mas confesso que não conhecia os outros, tenho de pesquisar.
    Portugal tem mesmo imenso talento e é uma pena que nem sempre vejamos isso. O empreendedorismo é tão importante :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sinto que, e embora seja uma mentalidade em mudança, ainda há um certo preconceito com o que é feito cá. Mas a verdade é que temos pessoas suas criativas e competentes, que arriscam em ideias inovadoras e cheias de qualidade :)

      Eliminar
  17. Respostas
    1. Obrigada, Carolina :) obrigada por mais um tema fantástico!

      Eliminar
  18. Acompanho a Joana desde o início e é fantástica. Já lhe pedi uma obra sua e amei!
    Ela tem mesmo muito jeito e talento!
    Um beijinho, minha querida*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também tenho que lhe fazer uma encomenda, porque, de facto, o seu talento é inspirador *-*

      Eliminar
  19. que incrivel! não conhecia muitas dessa lista.
    Eu apoio a CINCO que é uma marca de joalharia. são os únicos miminhos desse género que compro para mim e também para oferecer em ocasiões especiais. acho o design único e o conceito lindo, totalmente português!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não conhecia a CINCO, mas vou já pesquisar sobre ela :) muito obrigada pela dica, Filipa!

      Eliminar