Identidade Cruzada #1

Fotografia retirada do Pinterest


«Dê a quem ama asas para voar, raízes para voltar e motivos para ficar»



Estou de volta onde pertenço. A este lugar que me abraça com a força de uma mãe. Chorosa, vi-me num mundo tão diferente do que imaginava. E regressei, dentro de uma mala forrada a saudades sufocantes.

Não sei que mudança houve em mim. Não reconheci esta súbita vontade de ir. Meu Deus, como fui ingénua ao pensar que seria capaz de me desapegar. E que parva me sinto por, no fundo, estar a renegar as minhas origens; as raízes que me mantiveram firme em noites de tempestade.

Ontem, tentei levantar voo. Mas as minhas asas não aguentaram a subida. Caí. E desisti de tentar novamente. Sei que não fui feita para viver o mundo que se estende para lá da janela deste quarto, ainda que o veja. E o sonhe em todas as vezes que os meus olhos se deitam a dormir. É melhor fechar a cortina. Não suportaria ouvir os gritos de descrença daquele que me mantém por cá.


[Alice, 27 anos, de sonhos suspensos]

27 comentários

  1. Que bonito, forte e sensível!
    Por vezes, dou por mim a pensar algo semelhante, mas por outras razões e com algumas diferenças...
    Há que dar valor às origens, sim, mas não permitir que elas nos "cortem" as asas e nos impeçam de voar, porque também nós temos uma vida e sonho(s)!
    Um beijinho grande*
    Carolina

    ResponderEliminar
  2. Que texto lindo, obrigada pela partilha.

    ResponderEliminar
  3. Um texto mesmo muito bonito e intenso.
    Beijinhos,
    https://chicana.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
  4. Como sempre, adorei o que me consegues passar com as tuas palavras coração, adoro!

    THE PINK ELEPHANT SHOE

    ResponderEliminar
  5. Já pensei assim, mas depois acreditei e consegui voar através da janela do meu quarto, não foi fácil mas consegui ;) e tu também vais conseguir, princesa, demore o tempo que demorar :)
    Bjinhosss
    https://matildeferreira.co.uk/

    ResponderEliminar
  6. Tão forte e profundo. Adorei! :)

    Bom fim-de-semana, minha querida! E venha a festa já na Segunda :D

    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  7. Que texto poderoso :). Tu tens jeito para ser escritora.
    Beijinhos
    Blog: Life of Cherry

    ResponderEliminar
  8. Bom dia. Um texto no qual também me identifico. Parabéns

    Hoje:- "Caminhada, entre sentidos e rimas"
    -
    Bjos
    Votos de uma feliz Sexta-Feita

    ResponderEliminar
  9. Eu já bisbilhotei algumas
    das tuas gavetas, mas hoje
    só vim te deixar um abraço.

    Beijos,

    silvioafonso



    .

    ResponderEliminar
  10. Que lindo, amei muito :D

    http://submersa-em-palavras.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  11. WOW. Fiquei em choque ao ler. Um texto bem pesado de facto. Beijinhos <3

    ResponderEliminar
  12. Que texto fantástico! Tens mesmo o dom da escrita! :P

    amarcadamarta.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  13. Maravilhoso Andreia :)
    Gostei muito

    XO https://diamonds-inthe-sky.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  14. Adorei o texto e entendo muito o significado dessas palavras!

    Bjxxx
    Ontem é só Memória | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  15. Que texto tão bonito! Maravilhosamente bem escrito <3

    ResponderEliminar
  16. Nunca me seduziu essa ideia de ganhar raízes. Raízes ganham as plantas e por isso não vão a lado nenhum. Talvez a coisa de que mais me arrependo é a de ter ficado aqui demasiado tempo. Depois, lá está, quando percebi tinha ganho raízes e era tarde demais para partir. Abençoados aqueles marinheiros que nunca estavam muito tempo no mesmo porto. Nós, com a desculpa de uma pretensa estabilidade, ficámos a ganhar mofo e quando damos por nós, a vida passou e as raízes que nos prenderam, secaram ou apodreceram. Somos prisioneiros da indolência.

    ResponderEliminar
  17. WOW, que palavras maravilhosas! Beijinhos*

    ResponderEliminar
  18. Um dia irás conseguir levantar voo. O mundo espera-te!

    ResponderEliminar
  19. Como me revejo aqui...Que bonitas palavras, Márcia, obrigada por esta partilha :)

    Beijinhos,

    Daniela

    ResponderEliminar
  20. É um lindo texto que nos faz refletir que nunca podemos desistir bjs.

    ResponderEliminar
  21. Também usei um creme de mãos que era incrível, assim como o baton de cieiro da marca :P

    Meu Deus, que linda :') Às vezes, por muito que nos falte coragem de levantar voo, é importante que o façamos. Este texto dá pano para mangas, de facto!

    NEW TIPS POST | ALL YOU NEED TO KNOW ABOUT SPRING MAKEUP. :D
    InstagramFacebook Official PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
  22. Tão forte, mas tão bonito.
    No entanto, é importante "levantarmos voo" de vez em quando, sabe bem e devemos arriscar, mas compreendo que não somos todos iguais e que nem sempre é fácil.
    "Meu Deus, como fui ingénua ao pensar que seria capaz de me desapegar." - nunca nos desapegamos dos nossos sítios e das nossas pessoas, e ainda bem :)

    ResponderEliminar
  23. r: Verdade. As surpresas da vida são sem dúvida as melhores. E pelo factor surpresa, lá está, questionamos-nos mais do que o necessário. E somos menos felizes por causa disso.
    *Beijinho
    p.s: que texto bonito!

    ResponderEliminar