Presença ausente


Somos presença ausente. Um beijo de bom dia forçado. Milhares de conversas por circunstância e sorrisos que escondem palavras cheias de dor. Habituamo-nos a não estar tudo bem, mas a fingir que somos indiferentes ao fosso que abriu entre nós. E as inúmeras cordas que nos prendiam, começam a ficar gastas. Estamos em suspenso. À espera que a vida nos empurre e nos permita equilibrar na única corda que ainda balança e nos aproxima. Somos passos a medo. Olhares [ainda] cúmplices, de quem não se quer perder, mas que é orgulhoso de mais para se confrontar e libertar todas as mágoas. Já estive mais certa de que os nossos laços permanecessem inquebráveis. Mas por não ter sido feita para desistir, não estou pronta para virar as costas. E partir.

You Might Also Like

14 comentários

  1. Que texto tão bonito e verdadeiro!
    Beijinhos,
    Cherry
    Blog: Life of Cherry

    ResponderEliminar
  2. Sei bem o que sentes, mas acredita que e nesses momentos que ganhas coragem para seguir em frente :)
    Bjinhosss
    https://matildeferreira.co.uk/

    ResponderEliminar
  3. Bom texto e por vezes é mesmo preciso virar costas.
    Um abraço.
    Autógrafos Futebol

    ResponderEliminar
  4. Bom dia, estar de contra vontade é mau para quem está e para quem sente, na vida não temos que fingir o que não somos nem o não sentimos, nada melhor do que mostrar o que somos e dar entender que só nos aceita quem quer, a partir daqui, quem nos aceita é porque gosta, assim consegue-se a consolidação em liberdade, se deixarmos de ser o que somos, perdemos a liberdade, passamos a ser submissos a quem pensa que é dono, não somos donos nem se consente que alguém se julgue dono do outro.
    Bom fim de semana,
    AG

    ResponderEliminar
  5. Um bonito texto Andreia, mais uma reflexão a ter em conta! =)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Gostei bastante deste bom texto e por vezes na vida temos que tomar opções e seguir em frente.
    Um abraço e bom fim-de-semana.

    Andarilhar
    Dedais de Francisco e Idalisa
    Livros-Autografados

    ResponderEliminar
  7. Gostei do texto, apesar do tema nem tanto feliz. Por vezes é necessário encerrar ciclos e seguir em frente ainda mais forte.

    ResponderEliminar
  8. Tão forte e tão bonito. fez-me lembrar o livro que ando a ler: "A Memória da Chuva", retrata exactamente isto. Duas pessoas que se amaram no passado, separaram-se, continuam a amar-se mas preferem conviver na distância.

    Tens que ler.

    Bom fim-de-semana. Beijinhos!

    ResponderEliminar
  9. Uma p+presença ausente não vale a pena...mais vale estar só...

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  10. Dizes sempre as palavras certas e de uma forma tão bonita *-*
    http://bloguedacatia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  11. wow que lindo texto
    http://retromaggie.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  12. Obrigado, meu anjo. Fico sempre estarrecido com os teus comentários que tão rapidamente me chegam ao coração :D Sim, esta vitória ninguém ma tira e dá-me vontade de a partilhar por toda a parte para que possa ajudar quem esteja a passar pelo mesmo :') Afinal de contas, o que é bom, merece ser partilhado, não é?!

    Completamente de acordo com o que escreveste meu bem. Ainda assim, muitas das pessoas não vivem bem consigo próprias, por se conformarem com esse estado de alma tão cheio de orgulho que viram as costas e seguem sozinhas... meio perdidas. Acabam por não fazer jus à pessoa que são ou que, na grande maioria das vezes, poderiam ser!

    NEW TIPS POST | Choose the IDEAL FACIAL SUNSCREEN for your SKIN :o
    InstagramFacebook Official PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar