As minhas viagens de metro #36


«Aquele que diz uma mentira não calcula a pesada carga que põe em cima de si, pois tem de inventar infinidade delas para sustentar a primeira», Alexander Pope


Caiu o pano. A máscara partiu-se em dois pedaços soltos, desamparados, desiguais.
 
Tememos a desilusão, a crítica, a pouca aceitação. Escondemo-nos numa história que não é a nossa e mentimos. Constantemente. Não só aos outros, principalmente a nós. E de tanto acreditarmos, olhamos aquela mentira como se fosse a nossa realidade absoluta. Entramos numa espiral de sufoco, que nos angustia e aprisiona. Não somos nós. Somos uma ilusão do que queríamos ser. Pelos outros. Tememos a solidão, mas ainda não percebemos que são essas máscaras que usamos que nos afastam para bem longe. 

Renascemos e morremos quantas vezes nos forem permitidas por esse número de fachadas que guardamos nas gavetas. Quando as luzes se apagam e o silêncio se espalha, o pano cai. Formam-se pequenas gotas cristalinas de tristeza. A música ecoa a dor desse sofrimento infligido por nós. Até quando durará essa mentira? Até quando conseguiremos aguentar o disfarce sem que se comece a fragmentar aos poucos? Até quando? E tudo porquê? Por mais um pouco de atenção? Se ao menos soubéssemos o quanto toda essa falsidade nos destrói...

A estrada estreita-se e o choque será inevitável. São os cortes dessa colisão que nos farão compreender que não vale a pena viver uma vida onde seremos pouco mais do que pedaços de porcelana, que um dia deixarão de ser a nossa segurança quando se desfizerem e nos deixarem expostos. Mostrando exatamente aquilo que somos!


M, 07.02.2015 

You Might Also Like

20 comentários

  1. É bem verdade...mas a mentira tem perna curta...

    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  2. Verdade minha amiga
    Uma mentira implica outra e nesse círculo a confiança é minada, a tristeza se instaura e e migalhas de verdade se esfacelam diante do nosso sentimento
    Belíssimo!
    Um domingo feliz
    Beijos

    ResponderEliminar
  3. Há quem costume dizer que a mentira tem perna curta... não sei se tem... há mentiras que duram e perduram. Mas mentir nunca deve ser opção. Um beijinho

    ResponderEliminar
  4. Tão verdade ... Bom Domingo querida :)

    ResponderEliminar
  5. OHHHH adorei até me fez lembrar uma música do Anselmo Ralph. Eu acho que mentir é uma coisa que custa e é preciso ser-se minimamente inteligente mas há mentiras que duram e duram!!

    R: Muito obrigada pela tua opinião, pensas exatamente o mesmo que eu!

    ResponderEliminar
  6. É muito difícil mostrarmos exatamente aquilo que somos, porque os outros esperarão sempre algo mais. Não necessariamente melhor, pois não acredito que haja nada melhor do que a verdade. Mas o mundo é hipócrita e quem não acompanhar a hipocrisia geral, acaba a ser olhado como um ser exótico. Exótico é eufemismo... temos é sorte se não nos mandarem internar. eheheh

    ResponderEliminar
  7. De nada vale fingirmos ser alguém que não somos. Mais tarde ou mais cedo a máscara cai e depois será bem pior. Nessa altura já ninguém irá confiar em nós.

    ResponderEliminar
  8. A frase é simplesmente genial e verdadeira.

    ResponderEliminar
  9. Grande verdade...
    O falso cria em torno de si, um mundo paralelo, onde apenas as mentiras o sustentam. É extremamente esperto e sagaz, dificilmente cai a máscara, conseguindo manipular a todos, por muito tempo.
    Existem mentirosos que articulam tão bem, que nem no caixão serão desmascarados...
    Bela postagem, Andreia!
    Desejo uma feliz e abençoada semana, abraços carinhosos
    Maria Teresa

    ResponderEliminar
  10. Concordo plenamente, uma mentira nunca vem só.
    Beijinhos
    http://virginiaferreira91.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  11. Verdade, infelizmente a sociedade está cheia de máscaras. Utilizamos-as para tentar agradar os outros, mas quando nos deparamos sozinhos, a mascara caí e somos aquilo que realmente queremos. Sem restrições.

    ResponderEliminar
  12. r: Muito obrigada querida :)
    Era uma boa ideia não era? ahah

    ResponderEliminar
  13. Grande parte das mentiras são descobertas com o tempo, mas ainda há gente que se safa através delas. Mas em grande parte, concordo com a citação.

    ResponderEliminar
  14. Que verdade! Mas este mundo está cheio de mentirosos. E depois...
    Depois é continuar a mentir que até por vezes de tanto mentir confundem a realidade e assentam a vida numa ilusão
    Kis :=)

    ResponderEliminar
  15. Gostamos sempre de visitar o teu espaço.
    Desculpa por não comentarmos sempre que por cá passamos, mas o tempo por cá é escasso...
    Mas continua assim!

    ResponderEliminar
  16. Gostei do texto e é tão verdade :|
    E a mentira não destrói só a pessoa que mente mas também as outras pessoas a quem essa pessoa mente :|

    ResponderEliminar