As minhas viagens de metro #21


«Não, eu não quero lembrar de ti», Lucas Silveira


É engraçado - sem ter qualquer graça - como a tua voz acalmava o meu coração e agora não me consigo lembrar do seu timbre. Nem da forma como pronuncias as palavras. Esqueci-me do cheiro do teu perfume e do som da tua gargalhada. E aos poucos a tua imagem vai ficando turva na minha memória, sem os teus traços que cheguei a conhecer de cor.

É engraçado - sem o ser - como foste o amor da minha vida e agora quase que não me lembro de ti. Nem o quero fazer. 


M, 02.06.2014

You Might Also Like

13 comentários

  1. Coisas que acontecem com o passar do tempo e que aos poucos e poucos tornamos as coisas turvas.
    http://retromaggie.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. resp: ainda bem que há pessoas assim querida :)-
    bom fim de semana *

    ResponderEliminar
  3. O tempo é o melhor remédio para todos os males.

    BJos,
    http://blogdmulheres.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  4. resp: não consigo comer canja, mas gosto de caldo verde também :)
    de nada , e obrigada :)

    ResponderEliminar
  5. Acontece muitas vezes, vezes até demais :s

    r: é verdade :)

    ResponderEliminar
  6. Geralmente com o passar do tempo e do tipo de memórias elas ficam assim turvas ... :)

    Beijinho

    ResponderEliminar
  7. Ainda vais conhecer o amor da tua vida querida!

    ResponderEliminar
  8. O verdadeiro amor da tua vida, não irá embora, assim.
    Resp: Parte de mim, está preparada porque sabe que é aquilo que eu quero. Mas a outra parte que chorou rios, pela morte de alguém querido, tem medo de reabrir a ferida.

    ResponderEliminar
  9. parece q fui eu que escrevi isso... identifico-me tanto. como alguem que foi tanto na nossa vida passa a praticamente nada... e quanto mais tentamos lembrar mais queremos esqecer...

    ResponderEliminar
  10. Um texto do coração, como tu tão bem o sabes fazer.. e assim devagarinho .. vais-te libertando desse amor, que já o deixou de ser :)

    Fiz hoje um post que me lembrou das teus '' à boleia do mundo '', e lembrei-me de ti, porque sei que adoras conhecer os '' cantinhos '' deste nosso Portugal, espero que gostes e que viajes um pouquinho comigo desta vez, pelo texto e fotos ;)

    Beijinhos Querida ;-)

    ResponderEliminar
  11. Teu blog é lindo em tudo. Conteúdo ótimo.

    Boa noite, bjos.

    ResponderEliminar
  12. O tempo ajuda a esquecer aquilo que não nos faz bem...

    ResponderEliminar