As gavetas abertas por... Diana Fonseca

Fotografia de Elissa Ribant


A Diana Fonseca é de Aveiro, vive «cada dia, milimetricamente, à sua maneira» e é a autora do blogue A Vida de Diana. Quando entrou em contacto comigo, para participar n' «As gavetas abertas por...», lançou-me o desafio de ser eu a conduzir a entrevista de uma rubrica sua: Chá Para Dois. Aceitei prontamente, até porque já tinha tido o privilégio de estar do outro lado, como convidada. Por isso, para esta celebração, invertemos os papéis e foi a sua vez de ser entrevistada. Naturalmente, foquei-me noutro tipo de perguntas, mas sem esquecer aquelas que, para mim, são a imagem desta conversa. Sirvam-se. E façam-nos companhia!



Chá Para Dois | A VIDA DE DIANA


Para ti, chá de… 
Cidreira.

Quem é a Diana? 
A Diana é uma mulher de 28 anos. Eterna menina. Que adora passear, fotografar, comer, viver.

Qual a tua maior qualidade? E o teu maior defeito? 
A minha maior qualidade é ser coração mole. Esquecer, facilmente, as coisas más. O meu maior defeito é o mau feitio. Sou muito difícil de aturar.

Como começou a tua aventura no blogue? 
A minha aventura no mundo dos blogues já começou há muitos anos. Já tive vários. Mas começou como meio para desabafar. Expressar aquilo que não conseguia dizer a ninguém. Até hoje é um pouco assim, mas também é um local onde posso dar opiniões e sentir que alguém dá valor a isso; mostrar os locais que visito, dar a conhecer os autores dos blogues que mais gosto, entre outras coisas.

“Chá para Dois”, “Mil Andanças”, textos maravilhosos… O que é que ainda queres acrescentar n’ “A Vida de Diana”? 
Acho que quero criar um pouco mais. Dar largas à minha imaginação. Inventar histórias que cativem os leitores. Já estou a tentar fazer isso. Espero ser bem sucedida.

O que é que te inspira a escrever? 
O que me inspira a escrever é o meu dia-a-dia. Aquilo que me acontece. O que experiencio. O que vivo.

E na vida, o que é que te motiva? 
Ter sempre uma vida melhor. Poder fazer tudo o que mais gosto.

No teu álbum de memórias, qual é a aquela que mais te faz sorrir? 
O nascimento da minha irmã. Tinha quatro anos e lembro-me da minha mãe chegar a casa e deitá-la no meu colo. Estava muito feliz. Adoro a minha irmã.

Se pudesses ser outra pessoa por um dia, quem serias? 
Esta pergunta é difícil. Mas, talvez, a minha mãe. Para perceber como foi ser mãe e pai de duas filhas. Fazer tudo sozinha. Trabalhar para as três, sofrer, conseguir dar-nos tudo o que precisámos e ter orgulho em quem criou.

Um livro… 
Estarás Sempre Comigo, Anna McPartlin.

Uma flor… 
Tulipa.

Um filme… 
Philadelphia.

Uma viagem… 
México.

Um objeto… 
Telemóvel.

Uma cor… 
Preto.

Um artista… 
Michael Jackson.

Uma palavra… 
Amor.

Não podia perder a oportunidade de te perguntar isto: Qual é o teu maior sonho? 
Esta resposta é semelhante à resposta da questão seis. Que a vida melhore, que eu e os meus tenhamos saúde e sejamos felizes.

Para nós, bolo de… 
Amêndoa.

16 comentários

  1. Que entrevista tão gira! Senti como se fosse uma conversa entre duas amigas numa esplanada, a aproveitar uma tarde de sol. Adorei :)

    ResponderEliminar
  2. Que bela entrevista. Tambem adoro bolo ou tarte de amêndoa :) todos nós pedimos saúde para o futuro. Parabéns às duas.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Conheço a Diana e gosto muito do blog dela! Gostei de a conhecer melhor!

    Bjxxx
    Ontem é só Memória | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  4. Obrigado, meu bem :D É mesmo o melhor aliado de sempre!

    Não conhecia a Diana mas já vou vasculhar o blog dela :D
    Gostei muito de ler esta espécie de tag :D sabe sempre bem conhecer pessoas novas!

    NEW DECOR POST | HOW TO GET: THE MOST AMAZING PINTEREST LIVING ROOMS.
    InstagramFacebook Official PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
  5. Adorei a originalidade desta gaveta e adorei conhecer mais um pouco da Diana.

    Beijinhos! =)

    ResponderEliminar
  6. Gostei muito de conhecer a Diana e tu minha querida,Andreia tens muito jeito para entrevistas ;)
    Philadelphia é um dos meus filmes preferidos :) recomendo!
    Bjinhosss as duas*
    https://matildeferreira.co.uk/

    ResponderEliminar
  7. Que giro. Como o telemóvel se tornou, em tão poucos anos, no objeto fundamental para tanta gente. Até eu, que não vivo agarrado ao telemóvel, se saio de casa sem ele, sinto-me como se me tivesse esquecido de vestir as calças. xD

    R: A sério que o Instagram tem essa função? Tenho que ir ver...

    ResponderEliminar
  8. Obrigada por me teres deixado fazer parte das tuas gavetas e ajudar a preenchê-las mais um bocadinho.
    Gostei muito de responder às tuas questões. Não é todos os dias que me exponho tanto neste mundo virtual. E contigo, correu muito bem.
    Beijinhos, Diana.

    ResponderEliminar
  9. Ainda não conhecia esta tua rubrica, gostei muito de ler :P
    Beijinho!

    ResponderEliminar
  10. Gostei de conhecer um pouquinho mais da Diana!
    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  11. Gostei imenso da entrevista. Não conhecia a Diana, mas gostei de saber um pouco de si. Beijinhos <3

    ResponderEliminar
  12. tb sou de aveiro gostei mt do post parabens as duas bjs

    ResponderEliminar
  13. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  14. Não conhecia o blog da Diana, mas gostei muito de ler esta entrevista e vou dar uma espreitadela ao seu cantinho :)

    ResponderEliminar
  15. Que publicação docinha *.*
    Se não estou em erro, acho que ainda não conhecia a Diana, mas vou espreitar o cantinho dela :)

    ResponderEliminar