Destino

By Andreia Morais - dezembro 29, 2015


«Não poucas vezes esbarramos com o nosso destino pelos caminhos que escolhemos para fugir dele», Jean de La Fontaine


Acredito no destino. Desde sempre. E cada vez mais! Há alturas em que dou por mim a pensar como seria a minha vida se as coisas tivessem seguido determinado rumo, aquele que imaginei, por força das circunstâncias, que fosse o certo. Onde será que estaria agora? E depois paro. E afirmo silenciosamente que, se era para ser assim, a vida encarregar-se-ia de arranjar forma de me encaminhar para onde me encontro.

  • Share:

You Might Also Like

27 comentários

  1. De acordo com o La Fontaine e aproveito para desejar um Bom Ano Novo.

    ResponderEliminar
  2. Eu cada vez mais acredito no destino...

    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  3. Sem duvida... cada vez acredito mais!
    Desejo-te um 2016 pleno de realizações. Beijo carinhoso

    ResponderEliminar
  4. Adorei o post!
    Criei um novo blog, caso queiras não deixes de passar e seguir-me caso gostes :): http://supreende-me.blogspot.pt/
    Beijinhos e bom ano novo!

    ResponderEliminar
  5. eu acredito em destino também, mas em escolhas algumas de nossas escolhas cooperam para o destino beijos http://www.blogdaxavier.com.br/

    ResponderEliminar
  6. Com certeza, Andreia,
    por mais que fujamos,
    sempre passaremos,
    pelo que reservado está!
    Pensamento e reflexão verdadeiros!
    Tenha um Novo Ano feliz e repleto de realizações!
    Abraços carinhosos
    Maria Teresa

    ResponderEliminar
  7. Eu acredito no destino, mas também acredito que nós temos força para o mudar se desejarmos :)

    ResponderEliminar
  8. Nunca acreditei no destino. Acredito sim que há caminhos que são colocados à nossa disposição e a nós compete escolher. Há coincidências que nos dão a possibilidade de seguir por determinado caminho, mas a nós compete sempre a última palavra. Gostava de acreditar no destino.

    ResponderEliminar
  9. às vezes também penso nisso mas tento não pensar muito ahah se fosse a ver os caminhos que me apareceram este ano e as decisões que tomei...mudou muita coisa
    Um bom ano!!
    Kiss

    http://inspirationswithm.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  10. Acredito a 100% no destino! Sim, é verdade que devemos lutar por tudo aquilo que queremos porque nada cai do céu. Mas também acredito que o que tem de ser nosso vai ser nosso e que tudo acontece a seu tempo. No tempo certo e há hora certa cada coisa se vai realizar e há sempre um motivo para cada coisa acontecer de determinada forma :)
    http://bloguedacatia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  11. Venho desejar Boas festas e que possa ser um Ano Novo,não no calendário, mas dentro das nossas vidas.


    Com um beijinho amigo,

    Daniel (Lobinho)

    ResponderEliminar
  12. Coisas do destino quando nos estão destinadas por norma põem se no nosso caminho.
    http://retromaggie.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  13. Acredito que somos todos marionetes desse tal Destino...
    Beijinhos querida.

    ResponderEliminar
  14. Acredito imensamente no destino e no futuro.

    Um beijo,

    http://alicetwins.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  15. Pessoalmente não acredito no destino! sou daquelas que justifica as coisas como sendo meras coincidências! :)

    ResponderEliminar
  16. A vida se encarrega de determinar o nosso caminho
    Por mais que queiramos mudar depois de algumas voltas retornamos ao percurso incial
    Um beijo Andreia

    ResponderEliminar
  17. Eu acredito um pouco. Ainda leio o horóscopo e acredito que certas coisas não acontecem por acaso, mas ainda assim gosto de achar que tenho algum poder de decisão. Acredito sobretudo que não podemos ficar parados à espera que as coisas boas nos batam à porta.

    ResponderEliminar
  18. Penso tal e qual da mesma forma que tu :)

    ResponderEliminar
  19. Também acredito, e como dizes cada vez mais, acho que as coisas têm uma razão de ser e acontecer, nada acontece por acaso! :)
    Boas entradas!!! *

    ResponderEliminar
  20. Não sei se lhe hei de chamar destino, mas acredito muito mais na conjugação de acontecimentos que nos levam por determinado caminho, do que numa força consciente para o alterar.
    Ainda hoje conversávamos sobre tudo o que, em termos de saúde, nos tem acontecido que, não fora o destino, ou o que lhe queiramos chamar, poderia ter tido consequências tão graves como as que vemos todos os dias.
    Por vezes basta a diferença de poucos dias ou semanas, para que a nossa vida siga um rumo completamente diferente, para melhor, ou para pior.
    Não encaro a vida como uma fatalidade e creio que muito do que somos, é fruto daquilo que fazemos por ser. No entanto há uma boa dose de sorte ou azar a condicionar as nossas decisões. Porque se tiver de ser assim, nem todo o esforço do mundo consegue que seja diferente.
    Como dizia aquele locutor de rádio da anedota:
    Senhores ouvintes, estão no estádio mais de 50 mil espectadores, 500 polícias, 50 jornalistas, 22 jogadores, 2 fiscais de linha e um árbitro, e logo em cima de mim é que o sacana do pássaro veio cagar. eheheheh

    ResponderEliminar
  21. Acredito que coisas boas chegam para quem faz o bem; se calhar acredito então mais na lei do retorno do que no destino. E assim conduzo a minha vida. Mesmo que o retorno nunca chegue terei sempre a compensação de ter agido de acordo com os valores que me guiam e isso já é uma dádiva!

    ResponderEliminar
  22. Ora aí está um assunto que daria pano para mangas... Destino ou escolha? Hum...

    ResponderEliminar
  23. Confesso que não acredito muito no destino. Acho que a o nosso caminho faz-se das escolhas que vamos fazendo ao longo da vida e das suas consequências :)

    ResponderEliminar
  24. Acredito exactamente no mesmo que tu! Acho que o que tem de acontecer, acontece.

    ResponderEliminar